Palavras de Aline Mariano, vereadora do Recife

Participo, neste momento, de uma reunião com diretores e vice diretores das escolas municipais do Recife, que vieram falar sobre um projeto do Executivo enviado à esta Casa Legislativa, com intuito de instituir um processo eletivo específico para estes cargos.
Minha explanação nesta reunião foi para a defesa de um adiamento da votação da pauta, permitindo assim um maior debate sobre o projeto com a participação dos vereadores e dos representantes da categoria.

Por Francisco Tavares/Via Facebook


FATALIDADE E SOBREVIVÊNCIA Neste Sábado, por volta das 20h ao entrar com meu veículo na PE-450 no sentido de Verdejante, me deparei com uma moto em sentido contrário e em seguida meu carro foi colido por uma forte pancada frontal vindo a sair da pista e cair na ribanceira do meu lado direito. Ao parar achei que havia colidido com algum animal de grande porte, tendo em vista que não avistei nenhum veículo vindo na minha direção. Ao sair do carro atordoado com uma pancada na cabeça, verifiquei a presença de um rapaz em uma moto e um corpo caído ao chão junto com destroços, percebi na verdade que se tratava de um motoqueiro que havia me colidido na contra mão e a moto sem farol. Chamei o rapaz para fazer a verificação mas, o mesmo olhou o corpo e saiu de imediato com sentido a Verdejante. Observando que chegavam as primeiras pessoas no local e como meu veículo estava totalmente destruído e sem condições de fazer algum socorro, resolvi procurar as autoridades para comunicar os fatos, indo até a Delegacia de Polícia de Salgueiro para relatar o ocorrido e pedir as devidas providencias. Vindo a saber depois de quem se tratava. Fiquei muito abalado, triste e preocupado com aquela pessoa e sua família, pedi a Deus que socorresse a alma daquele rapaz, dando-lhe a misericórdia Divina e o consolo para sua família, diante dessa fatalidade infelizmente ocorrida nesta noite escura de sábado. A todos os seus familiares registro aqui as minhas sinceras condolências. Sei que algumas pessoas por maldade, por questões pessoais ou por outro sentimento não cristão desejam meu fim, entretanto, quem verdadeiramente tem Deus no coração como eu e é abençoado por um Anjo Protetor que está sempre vigilante e o protegendo, não poderá ser atingido enquanto não for a hora determinada pelo Ser Superior. Quero imensamente agradecer a Deus por estar vivo, por me proteger de todos os males que me afligem, agradecer a minha família a meus parentes e amigos que estiveram e estão comigo em todos os momentos. Agradecer a dezenas de pessoas que oram por mim e que me envaidece por suas considerações para comigo. Essa é mais uma história que acontece na minha vida, que vem a provar que devemos sempre acreditar na Fé e no Bem, pois a Maldade não pode superar a Bondade. Quero também usar esse espaço para chamar a atenção daqueles que tem Motocicletas e seus familiares para que não usem de maneira errada combinando com bebida alcóolica, assim como pedir as autoridades competentes que façam todo o possível para prevenir a perda de vidas ocasionadas pelo uso indevido desse tipo de transporte, muito utilizado nessa região. Peço a Deus que proteja e todos e permita que a paz, a tranquilidade possam continuar a reinar na nossa querida cidade de Verdejante. Bom dia e boa semana.

“Sem servidor não existe o serviço público”

Prefeito aproveita data e anuncia programa de habitação voltado para o servidor
Segunda, 28.10.2013
No Dia do Servidor, em mais uma prova de valorização da categoria, o Prefeito anuncia a abertura do Programa Moradia Melhor – Minha Casa Minha Vida, que vem beneficiar os servidores municipais efetivos, com renda familiar de até R$ 1.600,00, e que ainda não dispõem de casa própria. 

A gestão tem empreendido esforços para atender as demandas da classe que, em Salgueiro, está composta, em sua maioria, de efetivos. Do total de servidores, 61% já dispõem de Plano de Cargos, Carreira e Remunerações – PCCR e, atualmente, analisam e discutem o Estatuto do Servidor Público Municipal para votação na Câmara de Vereadores.

De acordo com o Prefeito, Marcones Libório, “O povo é a primeira peça fundamental do governo. A segunda é o servidor. Sem ele, não existe o serviço público”. Por isso, é necessário proporcionar melhorias das condições de trabalho e de vida.

Neste sentido, numa parceria da Prefeitura de Salgueiro com a organização Habitat para Humanidade e a Caixa Econômica Federal, serão disponibilizadas 160 unidades habitacionais. “O Programa Moradia Melhor – Minha Casa Minha Vida dá condições para que a categoria desempenhe bem o seu papel”, argumenta o Prefeito. Completando: “E garante estabilidade para os sonhos da família”.

Reconhecimento de que em cada conquista, existe a mão do servidor.

Perfil: A maior parte, 38% dos servidores, em Salgueiro, está nas salas de aula ou em atividades administrativas ligadas à educação. São professores, coordenadores pedagógicos, diretores e merendeiras que contribuem para uma sociedade mais consciente e crítica, através da prática do saber.

Também estão, em grande número, 23% do total, cuidando da saúde de crianças, adultos e idosos nos Postos de Saúde da Família-PSFs, nos consultórios ou nos bairros, de casa em casa, combatendo endemias e estimulando a prevenção de doenças. Enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas, médicos e agentes comunitários de saúde são, apenas, alguns exemplos.

Os 39% restantes prestam serviços em assistência social, obras, cultura, desenvolvimento rural e econômico, além de muitas outras áreas fundamentais para os cidadãos.

Serviço: Para explicar os detalhes do Programa Moradia Melhor – Minha Casa Minha Vida, no próximo dia 31.10, às 15:00, haverá uma assembleia no Ginásio Poliesportivo. Os interessados deverão levar RG, CPF, certidão de nascimento, no caso de serem solteiros, certidão de casamento com averbação, caso sejam divorciados, e certidão de casamento (os casados deverão levar os documentos do cônjuge).

 

AOS 68, LULA AINDA DESPERTA AMOR (BEM MAIS) E ÓDIO


No dia em que completa seus 68 anos, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (na foto central, aos 67) recebe milhares de homenagens nas redes sociais no #LulaDay; se uma única palavra pudesse resumir o carinho que a maioria dos brasileiros dedica a ele, seria emprego; nos seus dois governos, foram abertos 14,7 milhões de postos de trabalho, mais do que nos dois mandatos de FHC e nos governos de Itamar Franco, Fernando Collor e José Sarney somados; a despeito desse sucesso, ou, quem sabe, em razão dele, Lula ainda desperta uma fúria irracional de seus detratores

Prefeito perfeito

As promessas se multiplicam nas campanhas. Há propostas que servem até de riso para os munícipes.Tudo pode e e legal, estamos numa democracia. É possível um prefeito perfeito? Pode até ser possível quando se objetiva a tomada de poder porque tudo é válido.O Açude Velho será florido, o Açude Novo não envelhecerá,as ruas serão sempre limpas e promover a geração de empregos é tarefa fácil, quando desconhecemos que há um orçamento e leis a serem cumpridas.

Com um prefeito com uma atuação regular podemos dizer: “Há um lixão na Cohab”,” O Centro de Abastecimento tem uma série de irregularidades que precisam,urgentemente, de conserto”.Devemos criticar, não podemos ser passivos, porém, nossa cultura ainda tenta consolidar a agenda negativa.

Devemos falar o que deve ser falado e criticado, mas devemos escrever e falar das obras que enaltecem a história do município.Cada prefeito deixa sua marca na história sem conquistar a perfeição.

Prefeito perfeito teríamos se fosse ungido por Deus, num suposto paraíso.

Prefeito perfeito, só nos sonhos e ilusões das campanhas festivas onde prometemos o impossível.

Escrito por Wilson Monteiro

O OVO DA SERPENTE

O fantástico cineasta sueco, Ingmar Bergman, procurou analisar a gênese do nazismo no filme “O Ovo da Serpente” (Das Schlangenei, 1979). Ali está a decadência econômica e a consequente degradação social: ingredientes básicos do desespero e matéria-prima com a qual líderes carismáticos de mente distorcida moldam e fomentam o ódio racial. Vários historiadores apontam o Tratado de Versalhes como origem da II Grande Guerra: a Alemanha sofreu tantas sanções e restrições, que praticamente perdeu o controle de sua economia. A crise de 1929 agravou exponencialmente a situação. Hitler foi origem ou consequência daquela conjuntura? Quem nasceu primeiro: o ovo ou a galinha? O fato é que Hitler aproveitou-se da crise dos anos de 1930 para implantar seu modelo político totalitário e expansionista. Expandiu as fronteiras da Alemanha, com a desculpa da unificação germânica, para assegurar fontes de matéria-prima para a recuperação industrial de seu país. Poderia ter sido um dos maiores estadistas da história, como alguns historiadores ponderam; mas ele trazia em si o “gene” da loucura. Recuperou o orgulho nacional, sem dúvida, ao exaltar os grandes personagens germânicos e propalar o ideal da supremacia ariana. Tornou a propaganda uma arma poderosa! No entanto, perseguiu intensiva e cruelmente todos os que se opunham aos seus projetos. Transformou crianças em máquinas de odiar e lutar, com sua “Juventude Hitlerista”. Também não teve escrúpulos ao extrapolar seu ódio por pessoas para raças inteiras, tornando-se, assim, um dos maiores genocidas modernos. Conseguiu o poder supremo e tornou-se um símbolo inquestionável, superando sua inspiração inicial: Mussolini; igualando a “divindade” de outro de seus aliados: o imperador Hiroito; e selando uma paz oportuna com o seu maior rival: Stálin, outro grande genocida contemporâneo, só que de patrícios. A anexação da Áustria foi o início; a invasão da Polônia, o estopim; a invasão dos Países Baixos, o princípio da derrocada da França, com Linha Maginot e tudo mais; o desfile das tropas nazista em Paris, seu apogeu; a Batalha da Inglaterra, o fim da “guerra relâmpago”; o massacre de judeus, ciganos e outras minorias, a principal marca de sua insanidade metódica; a abertura da frente russa, um erro napoleônico; a derrota no norte da África, um golpe na infalibilidade de seu maior líder militar: Rommel; e o desembarque aliado na Normandia, o princípio do fim. Hitler e todos os seus aliados foram derrotados incondicionalmente! O Eixo protagonizou grandes massacres e também foi vítima de outros: o bombardeio de Dresden, as bombas de Hiroshima e Nagasaki… O saldo do maior confronto bélico de todos os tempos incluiu a destruição de cidades inteiras e milhões de mortes, de militares e civis inocentes. Não foi muito diferente da I Grande Guerra. Porém, em meio a toda insanidade que caracteriza a guerra e seus protagonistas, teve uma virtude: desta vez vencedores tiveram o cuidado de não repetir os mesmos erros de Versalhes, principalmente ao tentarem evitar a incubação de novos “ovos de serpentes”! Os ânimos foram apaziguados e Europa e Japão foram rapidamente reconstruídos, com o “auxílio” da sombra da Guerra Fria. Outro ponto positivo foi a decadência definitiva do colonialismo. O aspecto mais dúbio desse conflito, como de vários outros, foi que muitas das tecnologias desenvolvidas para exterminar serviram, mais tarde, ironicamente, para desenvolver curas. Mas, que ninguém use disso como argumento para exaltar qualquer guerra! Apesar disso, ainda existem muitos “ovos de serpente” sendo postos pelo mundo: o ódio, a ganância e o fanatismo os fecundam, incubam e deixam nascer, para que espalhem seu veneno. Somente o diálogo e o respeito ao próximo são vacinas e antídotos capazes de neutralizar seus efeitos! Porém, sua eficácia obviamente depende do grau de conscientização dos povos e da sanidade e interesses dos poderosos da vez… Adilson Luiz Gonçalves Membro da Academia Santista de Letras Mestre em Educação Escritor, Engenheiro, Professor Universitário e Compositor Ouça textos do autor em: www.carosouvintes.org.br (Rádio Ativa / Comportamento) Caso queira receber gratuitamente os livros digitais: Sobre Almas e Pilhas, Dest’Arte e Claras Visões, basta solicitar pelos e-mails: algbr@ig.com.br e prof_adilson_luiz@yahoo.com.br Conheça as músicas do autor em: br.youtube.com/adilson59 (13) 997723538 Santos – SP

www.carosouvintes.org.b

PP fica com pasta e pretende tomar posição Pró-Dilma

Dono da quarta maior bancada de deputados e de mais de três minutos e meio de tempo de propaganda na TV por dia, o PP deverá apoiar a reeleição da presidente Dilma Rousseff, ao contrário do que ocorreu na eleição passada, quando optou por não fazer aliança com nenhum candidato. Se firmarem a aliança, será um golpe para o presidente do PSDB, Aécio Neves, provável candidato à Presidência, que trabalha nos bastidores para manter o PP neutro.

Pesou na decisão – ainda não fechada, mas bem encaminhada – a pressão feita pelo PT e pelo governo sobre o partido, detentor do Ministério das Cidades. Pelo pré-acordo costurado, o PP manterá a pasta, mesmo depois da saída do ministro Aguinaldo Ribeiro, que deverá disputar o Senado pela Paraíba.

A coligação com a presidente Dilma, no entanto, não conseguirá amarrar o partido ao PT nos Estados. Como não há possibilidade de aliança com os petistas no Acre, Amazonas, Goiás, Minas, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, os diretórios serão liberados para fazer alianças com o PSDB, com o DEM, PPS, entre outros. Só em São Paulo é que a decisão terá de ser referendada pela direção nacional, numa combinação feita com o deputado Paulo Maluf.

“Hoje, a maioria dos diretórios é pela reeleição da presidente Dilma Rousseff”, disse ao Estado o presidente do PP, senador Ciro Nogueira (PI). Nas contas dele, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul são contrários à coligação e votarão para que o partido repita o que foi feito em 2010, quando não deu apoio a ninguém. Para evitar rachas internos, ficou decidido então que nos Estados o PP não será obrigado a repetir a aliança nacional. “Não há mais verticalização. Cada um pode fazer a coligação que quiser”, disse Nogueira.

O acordo para que o PP apoie a reeleição de Dilma Rousseff vem sendo costurado desde agosto. Ciro Nogueira teve reuniões com o presidente do PT, Rui Falcão, o ministro Aloizio Mercadante (Educação), provável coordenador da campanha de Dilma, o ministro Alexandre Padilha (Saúde), a ministra Ideli Salvatti (Relações Institucionais) e a presidente Dilma. Nas negociações, o PP acertou ainda a indicação do candidato a vice-governador na chapa de Wellington Dias (PI) para o governo do Piauí, o que resolveu a situação de Ciro Nogueira no Estado.

Desde que a aliança começou a ser feita, Ciro Nogueira tem se aproximado cada vez mais do Palácio do Planalto. Para começar, ajudou a retirar da liderança do partido na Câmara o deputado Arthur Lira (AL), muito próximo do líder do PMDB, Eduardo Cunha (RJ), nome que o governo detesta. No lugar de Lira foi eleito o deputado Eduardo da Fonte (PE).

Agora, com a autorização do presidente do partido, o PP negocia um bloco governista com o PROS, que tem 17 deputados. Juntos, os dois partidos poderão ficar com 58 deputados, o que garante muita força para o grupo, além de aumentar o capital político na hora de negociar apoio a Dilma.

OBSTÁCULOS – Se na aliança federal as negociações estão bem encaminhadas, em alguns Estados o PP tem problemas incontornáveis com o PT. No Acre, por exemplo, o governador Tião Viana (PT) se recusou a apoiar a candidatura do deputado Gladson Cameli (PP) para o Senado. O PP, que indicou César Messias para vice de Viana na eleição de 2010, decidiu então romper a aliança.

No Amazonas, a deputada Rebecca Garcia, do partido, que vai disputar o governo, foi abandonada pelo PT, que preferiu fazer aliança com o senador Eduardo Braga, do PMDB, atual líder do governo no Senado. Em Goiás, o vice-governador José Eliton, do PP, apoia o tucano Marconi Perillo contra o PT. Em Minas Gerais, o vice Alberto Pinto Coelho ficará ao lado do provável candidato à Presidência Aécio Neves, do PSDB. No Rio de Janeiro, o senador Francisco Dornelles, ex-presidente do PP, apoia o candidato tucano, seu sobrinho.

E, no Rio Grande do Sul, a senadora Ana Amélia será candidata ao Palácio Piratini contra o governador Tarso Genro (PT). Se a eleição fosse realizada agora, Ana Amélia poderia ser eleita em primeiro turno, situação que é admitida até mesmo pelos petistas.

O PP terá candidatos fortes ao governo também em Mato Grosso, onde filiou, na última hora, o empresário Eraí Maggi Scheffer, primo do senador Blairo Maggi (PR), hoje o maior plantador de soja do País, e em Tocantins, com a entrada na política do empresário Roberto Pires. Neste Estado, o PP deve fechar uma chapa com o PMDB, dando apoio à reeleição da senadora Kátia Abreu, que deixou o PSD e se filiou ao partido.

Fonte: Agência Estado

 

Onda de suicídios no bairro Riachinho

É o segundo suicídio em menos de uma semana no Bairro Nossa Senhora do Perpétuo Socorro(Riachinho) em Salgueiro. O primeiro, a vítima era um adulto, mas na tarde de ontem,o jovem conhecido como “Léo” morreu após se enforcar com um lençol.Não há relação entre as duas mortes, mas no bairro tem acontecido vários casos, o que deve chamar atenção das autoridades para esclarecer o que motiva tais suicídios.

Escrito por Wilson Monteiro

 

AÉCIO TEM 18% E CAMPOS 10% EM PESQUISA DO PSDB

Levantamento realizado pelo instituto Sensus e encomendado pelo partido mostra o presidenciável do PSDB oito pontos à frente do governador de Pernambuco, do PSB; avaliação dos tucanos é que o crescimento de Eduardo Campos após a aliança com Marina Silva tem caído; Dilma lidera com 37%, de acordo com a pesquisa

 

 

 

247 – Os tucanos viram com otimismo o último levantamento encomendado pelo partido ao Instituto Sensus. A mostra apontou o presidenciável do PSDB, o senador Aécio Neves (MG), com oito pontos à frente do governador de Pernambuco, Eduardo Campos.

De acordo com nota publicada na coluna Painel, da Folha de S.Paulo, a avaliação dos membros da legenda, após a mostra, é de que o crescimento de Campos depois da aliança com a ex-senadora Marina Silva, que entrou para o PSB, tem caído. Leia abaixo:

Ondas Tucanos acreditam que a disparada de Campos nas pesquisas após sua aliança com Marina Silva refluiu. Levantamento do instituto Sensus encomendado pelo PSDB mostra o pessebista com 10% e Aécio com 18%. Dilma tem 37%.

De acordo com o último levantamento do Ibope, a diferença entre os dois pré-candidatos é de apenas quatro pontos: Aécio tem 14% das intenções de voto e Campos, 10%. No Datafolha divulgado no dia 12 de outubro, apesar de os dois terem percentuais mais altos, a distância também era maior: seis pontos. Aécio tinha 21% e Campos, 15%.

www.brasil247.com.br

 

 

Cássia Parente
Cássia Parente
SENHOR JESUS,SEI que as estações vêm e vão,em majestosa sequência.A terra gira em seu eixo.em um ritmo predeterminado. Nenhuma oração que eu fizesse poderia modificar isso.Os teus caminhos não são os meus caminhos;o teu momento não é o meu momento.Mas,Senhor,como eu,tão ligado a esta terra,posso encarar o compasso da eternidade?
Senhor,como sou egoísta!Ajuda-me a pensar mais,em meu próximo.Dá-me um coração semelhante ao teu,que se importa com as necessidades dos podres e desabrigados.
VAMOS ORAR:
Senhor,tu és Deus altíssimo.Não consigo apreender a tua majestade e santidade.Como considerar a tua benevolência informalmente? Jamais saia dos meus lábios algumas palavras grosseiras a teu respeito. Nunca me permitas blasfemar contar o teu nome!
Deus Pai,tu me pedes para descansar das minhas lutas e confiar apenas em ti,mas receio que o meu mundo possa se desintegrar.Que tolice! Ensina-me a confiar em ti somente.Me fortalece Senhor,preciso tanto de ti.Obrigada e amém

Escolhido grupo gestor do Centro de Artes e Esporte Unificado do bairro da Cohab

Foto: PMS
Moradores dos Bairros da Cohab, Primavera, Imperador, Loteamento Novo Horizonte, Castelinho, Caravan e Vila dos Funcionários, se reuniram na última sexta-feira (25) na Escola Cleuzemir  Pereira, para conhecer e discutir a gestão do Centro de Artes e Esporte Unificados (Ceus) que vem sendo construído na comunidade pela Prefeitura  em parceria com o Governo Federal. Participaram da reunião o prefeito Marcones Libório de Sá, os secretários de Desenvolvimento Social, Eliane Alves; de Planejamento e Meio Ambiente, Marcelo Sá; de Desenvolvimento Econômico, Eugênio Cruz; além do  Coordenador de Juventude, Ricardo Oliveira; e  o diretor  de Cultura, Bruno Feitosa.

No encontro, foi escolhida a comissão gestora do Ceu, composta por quatro moradores dos bairros da Primavera, Imperador e  Cohab. É no espaço da antiga quadra do bairro da Cohab que está sendo construída a praça e que terá dois prédios multiuso contendo bibli oteca, teatro-auditório para 60 lugares, quadra poliesportiva, pistas de skate e de caminhada, equipamento de ginástica, parque infantil, bicicletário, mesas de jogos, além de espaço exclusivo para serviços do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) e salas de computação para a inclusão digital.

Ainda durante a reunião foram apresentadas imagens fotográficas mostrando como a obra está bem avançada. O centro será uma praça que vai integrar atividades e serviços culturais, bem como práticas esportivas e de lazer, formação e qualificação para o mercado de trabalho, além de serviço sócio assistencial, políticas de prevenção à violência e inclusão digital no município.

Clique na foto para ampliar Foto: PMS
Com ajuda de slides o prefeito Marcones Sá apresentou aos moradores toda infra-estrutura da obra e destacou que os trabalhos estão em ritmo acelerado dentro do cronograma previsto. “Nesse encontro discutimos o projeto que tem uma modalidade diferente das outras obras. Temos um grupo que vai estudar o processo e vai administrar. O CEU não é apenas uma praça, é muito mais complexo e, por isso, precisa ter o dobro de acompanhamento”, disse o prefeito apontando que a obra terá mais de 3mil metros quadrados com dois edifícios considerados multiuso.

“No local, vamos ter um núcleo do CRAS e todos os equipamentos que vão proporcionar lazer de qualidade para a população”, acrescentou. Na reunião, foi apresentado através de fotos, um cronograma do avanço das obras. A população ainda tirou dúvidas e aproveitou para agradecer à Prefeitura pela ação. Moradora do bairro da Cohab,  Mar ia José Gomes Santana, destacou que através de espaços entre os tapumes da obra  vem  acompanhando os trabalhos.

“Todo dia dou uma olhada nos trabalhos e vejo que só vem avançando e com certeza vai trazer benefícios para nosso povo. Só se faz críticas quando não se tem conhecimento do que está sendo feito. Sempre que encontrava o prefeito cobrava a obra da praça e sei que ele se empenhou o bastante. Não é uma praça pequena, é uma grande obra que vai valorizar muito a comunidade. Temos que zelar muito por essa obra”, defendeu a moradora.

 
Clique na foto para ampliar Foto: PMS

 

 

Ficou para 5 de novembro votação do piso dos agentes de saúde

josé augusto maia - foto divulgação

O presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), marcou para 5 de novembro a votação do projeto que institui um piso nacional salarial para os agentes de saúde.

Os deputados chegaram a aprovar ontem a “urgência” para que o projeto seja colocado em votação, porém não houve quórum para deliberação.

Antes sugeriu aos deputados que defendem sua aprovação, entre eles o pernambucano José Augusto Maia (PROS-PE), entrar em entendimento com o governo para evitar risco de veto.

“Não quero que os agentes sejam enganados com uma festa pela vitória no painel e, depois, vir a frustração de saber que ganhamos, mas não levamos. Se insistirmos na votação, há o risco do constrangimento maior de não haver quórum”, disse o presidente da Câmara após anunciar o adiamento da votação.

O projeto prevê reajuste anual de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) e aumento real durante três anos com base na variação do Produto Interno Bruto (PIB).

O valor do piso não é definido no texto. O valor atual, estabelecido por uma portaria do Ministério da Saúde, é de R$ 950,00.

Inaldo Sampaio

 

Prefeito de Salgueiro e o 13º

Quando o Governo Eduardo Campos comemora a antecipação do 13º salário, é bom saber que a prefeitura do Salgueiro liberou desde julho a 1ª parcela e está previsto para novembro, a segunda metade.Isso sem o servidor sofrer descontos dos bancos, em caso de antecipação.O prefeito Marcones Sá não atrasa um só dia o pagamento dos servidores.

Escrito por Wilson Monteiro

Salgueiro sediou capacitação do Comitê de Articulação Regional do Sertão Central

Salgueiro sediou na última quinta-feira (24) no auditório do Hotel Talismã, uma capacitação envolvendo os novos membros do Comitê de Articulação Regional do Sertão Central – que contempla oito municípios – eleitos em  maio deste ano. O encontro contou com a participação do prefeito Marcones Libório de Sá e do gerente geral de articulação institucional da secretaria de Articulação Social e Regional de Pernambuco, Gerson Victor da Silva. 

Uma das metas e estratégias da capacitação é construir agendas focadas nas onze regiões de desenvolvimento do interior do Estado, inclusive o Sertão Central. Segundo Gerson Victor Silva, da secretaria de Articulação Social e Regional de Pernambuco, a ação coletiva tem contribuído para o fortalecimento do sistema de controle social de Pernambuco e do modelo integrado de gestão, já premiado pela ONU em junho.

“Esse sistema de controle social faz parte do modelo integrado de gestão do governo de Pernambuco. Nessas agendas estratégias, vamos tirar junto com o comitê de articulação cinco temas estratégicos. Nos próximos meses, trabalharemos com mais afinco em cada tema no sentido de elaborar um documento de sugestões para ser entregue ao governador Eduardo Campos, tendo em vista o desenvolvimento futuro do Sertão Central”, apontou.

Clique na foto para ampliar Foto: PMS
O prefeito Marcones Libório de Sá lembrou que o Comitê de Articulação Regional é um dos braços do planejamento do modelo de Gestão Estratégica do Governo do Estado. “A proposta regional do seminário é muito interessante porque ajuda as lideranças a pensar o sertão como um todo e não apenas as demandas locais que são imensas, mas muitas vezes focamos numa única necessidade. Temos que ter um olhar centrado no  planejamento para se fazer o equilíbrio entre a pressão do cotidiano do dia a dia com uma visão de médio a longo prazo”, frisou o prefeito. 

As oficinas acontecerão ainda nas cidades de Petrolina (31\10) e Flores (4\11).