Coração Santo/Dona Tezinha ‘Teté”

1526690_740604592714183_3638777520085978503_n (1)Aos sábados por volta das 4 da tarde, o professor aqui fica a ouvir histórias de Dona Auta ao lado do irmãos e irmãs.

A tarde parece não prometer novidades. D repente, um canto “Soltei meu primeiro pombo-correio…”. É Aídil Alves de Sá Rodrigues Dantas, viúva de Antonio Possidônio, Tia Tezinha.

Quando Antonio, o pioneiro no ramo de caminhões chegava a Salgueiro, reunia as crianças e passeava pelo Salgueiro ainda pequeno.Ora no Prado, ora no DNOCS nos deliciosos banhos e na Praça da Bomba, mais ou menos no Bar de Antonio Sirino, histórias de Goiás,Maranhão e da Rio-Bahia/São Paulo eram contadas com humor.

Antonio de Possidônio tinha apenas uma irmã: “Tia Siadé” mas contava histórias de Luiz Monteiro Lima,concunhado, Luiz Monteiro Lima e Antonio Possidõnio contribuíram para o desenvolvimento da região. acrescentando o ramo de padarias.

 

1255206_740604752714167_8665433723130722674_n (1)Um dia, sem explicar, sem nada falar, Antonio Possidônio resolveu visitar as curvas da vida, as estradas deste Brasil.Ninguém dava notícia  de Antônio que havia deixado com Tezinha 10 filhos(08 estão vivos, dois estão no céu)

 

No Maranhão, nosso personagem construiu outra família com filhos dignos. Ele, o nosso Antonio era vaidoso,andava sempre bonito,elegante.

Um dia nossa família tomou conhecimento que o pioneiro dos caminhoneiros do Sertão etava muito doente nm lugar distante.

Os filhos providenciaram para que voltasse a Salgueiro, onde faleceu.

No dia do sepultamento, um dos poucos homens que vi derramar lágrimas chorou.Era o irmão Luiz Monteiro Lima,ex-prefeito de Verdejante reconhecido pela bondade,honestidade e trabalho.

No dia do sepultamento,Fernando de Silvino, amigo inseparável de Antonio Possidônio, perguntou:

– A senhora estar triste, Tia Tezinha?

A mulher de CORAÇÃO SANTO que desafiou s os desafios,tormentas ,  sempre a cantar, responde:

-Estou muito feliz, agora eu sei onde Antônio está. Aidil Alves de Sá casou com Antonio Rodrigue Dantas com 13 anos de idade.

Aos 80 anos é motivo de coragem para os que estão sem estímulo num mundo que precisa mais e mais da Palavra do Nosso Senhor Jesus Cristo.

Finalizando,juntos, fizemos uma oração para Joaquim Alves de Sá(irmão de “Teté” que estaria completando idade nova neste dia 31 dejaneiro.

 

 

Escrito por  Wilson  Monteiro

1901444_740604642714178_7042307075981385034_n (1)

 

 

 

 

 

 

 

l LLLMMpmMonteiroMonteirLimaLiLimaLima

 

SALGUEIRO NÃO MERECE ISSO!

1531885_249988638539610_1042025379039280316_nCríticas são sempre muito bem vindas, mas quando elas levam a diminuir a importância e ridicularizar Salgueiro iremos entrar na defesa como assim faz o cidadão que usa de suas criticas para melhorar seu lugar.Uma cidade está permanentemente em construção…ela se faz, refaz,repensa…só não pode cometer o erro de retroceder…o caminho é avançar,evoluir e conquistar cada vez mais isso respondendo as demandas de seu tempo…entendo ser esta a construção.

Com isso me vem a memória a vergonha que tinha do meu lugar de 20 anos atrás, certa vez chegando de Petrolina de ônibus me recolhi o que pude na cadeira devido os comentários das pessoas ao lado “essa cidade exala fedor”,”esse lugar é só lixo” “esse povo daqui devia ter vergonha de morar num lugar desse” era o lixão na entrada da cidade exalando mal cheiro,lixo e fumaça…e isso me matava por amar tanto este lugar!….Esse ex é simbólico era comércio fechando tudo de melhor indo pra Petrolina inclusive nossa gente…

Por essa e tantas que não preciso relatar aqui pois nosso povo conhece,reconhece e aprova não tenho vergonha desta nova Salgueiro que ajudei a construir de lá até aqui com meus sonhos e ideais de jovem e cidadã…não tenho vergonha da obra do saneamento da minha cidade pois a verdade é que não são buracos é OBRA \TRABALHO me orgulha imensamente ter um gestor\prefeito que teve a coragem de construir saneamento em Salgueiro,e isso significando furar buracos e enterrar canos uma obra que não aparece pelo contrário só incomoda e traz rejeição de alguns que não querem ter a compreensão do que significa para a cidade. Além disso é demorada,lenta….mas feliz de um povo que tem um gestor corajoso e coloca a melhoria de vida da população acima de politicagem, que só pensa em votos e eleição …disso eu tenho muito orgulho.

É o momento de debater os novos caminhos e novos rumos para Salgueiro, de encarar as novas demandas e novos projetos para isso é preciso acolher nossos filhos e cidadãos aqui nascidos e adotivos e pegar na pá e edificar daqui para frente os novos sonhos e projetos desta cidade que se fez altiva, altaneira,autônoma,educadora,ROTA DO DESENVOLVIMENTO pelas mãos de gestores como Creuza Pereira e Marcones Sá, pela nossa militância e de tantos que acreditaram,sonharam,idealizaram e fizeram acontecer……e aqui seguem firmes,fortes e leais construindo e mantendo erguido essa nossa cidade de tantas oportunidades…não cabe neste momento o raivoso e desagregador – não foi assim que nós há 20 anos reagimos diante dos desafios que tínhamos pela frente – porém foi e é atraindo investimentos,faculdades,cursos,Institutos,nos firmando junto ao cenário nacional com respeito – não iremos retroceder, nós a grande maioria jamais iremos permitir, pois se aqui chegamos foi a custa de muito trabalho e abnegação.

Convocamos todos para juntos discutir e projetar… é muito pequeno esta discussão aqui travada. Salgueiro não merece isso!!!

É preciso informar e reafirmar mais uma vez que junto com a autorização da obra de saneamento o prefeito Marcones projetou todo novo asfaltamento da cidade, requalificação da Av. Antonio Angelim,o calçadão do centro da cidade e requalificação dos canais… e a municipalização do trânsito que até a conclusão destas obras estará em plena atividade….nosso centro da cidade depois desta obra vai ficar lindo e belo!

Isso tem a marca de quem trabalhou,trabalha e irá trabalhar mais ainda daqui pra frente!

Eliane Alves\cidadã salgueirense.

29/01/15 – Salgueiro-PE: Acusado de estuprar menina de 4 anos é preso pela PM no bairro Riachinho/GiroSertao

290115estuprosalg 1

Às 16h desta quinta-feira, 29/01/15, a GT-II do 8ºBPM, comandada pelo Cb PM – Marijalbo, foi acionada para atender a uma ocorrência de estupro contra uma criança de 4 anos de idade, na Rua Antônio Alves Conserva, no bairro Nossa Senhora Aparecida (Riachinho) em salgueiro. No local, com apoio do NIS-3, os integrantes da Guarnição Tática, tomaram conhecimento de que o fato teria ocorrido na manhã desta quinta, quando a criança, que havia passado a noite na casa de uma vizinha, foi acordada pelo suspeito, identificado como RICARDO ROCHA DA SILVA, 21 anos, natural de Belo Jardim-PE, amasiado, servente de pedreiro, o qual mora naquela residência e aproveitando-se da ausência da mãe da menina, teria praticado a violência contra a vulnerável de apenas 04 anos de idade, identificada pelas iniciaisG.V.L.V., sendo o crime, flagrado pela genitora da menor, que chegou no momento em que o estuprador praticava o ato contra sua filha e em desespero, investiu contra o agressor, que fugiu do local e só foi localizado nesta tarde, escondido no interior do muro de uma das moradias da vizinhança. No ato da prisão, o acusado portava uma faca peixeira, tentando se defender dos moradores que queriam fazer justiça com as próprias mãos, no entanto, com a chegada do policiamento, o incriminado resolveu se entregar. Durante a ação policial, os moradores daquela alameda, tentaram subtrair o acusado das mãos dos policiais, cercando o policiamento, dando início a um princípio de linchamento, que bravamente foi evitado pela força policial, conduzindo o incriminado para 193DPC de Salgueiro, aonde foi lavrado o flagrante. A criança foi encaminhada para o Hospital Regional de Salgueiro, para a devida perícia. Nossa equipe flagrou parte dos moradores que se aglomeravam em frente à DPC, promovendo ameaças de linchar o acusado, sendo necessário o apoio de 02 guarnições do GATI do 8ºBPMpara conter a movimentação.

290115estuprosalg 3

290115estuprosalg 2

 

Decretado emergência no sistema penitenciário

O governador Paulo Câmara (PSB) assinou, há pouco, decreto a ser publicado no Diário Oficial desta sexta feira (30), em que declara estado de emergência no sistema penitenciário do Estado, e a intervenção do Centro Integrado de Ressocialização de Itaquitinga. Tais medidas se dão em face à atual situação de tensão vivenciada no sistema prisional no âmbito do Estado de Pernambuco.

Da página de Otávio Maia,advogado

Comentário em destaque

Comentário feito no artigo Casa de ferreiro, espeto de pau:

JOSÉ AILTON DE SOUSA

OAB,Ministério Público,TCU, e Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco,sem dúvida são os piores e mais sem crédito órgãos públicos que existe em nosso Estado,1º OAB,seu Presidente é favorecido com salário limite no Estado(recebe salário sem dar expediente),2° Uma ordem do Ministério vale menos que um Preço de um Pão,pois ninguém respeita e nunca ninguém foi punido por isso, tribunal de Contas da União,aí se fosse para para fazer cadeia pra quem rouba neste Pais ,não teira espaço nos maiores estádios que foram construídos com muita roubalheira em todo o pais para a vergonhosa copa do mundo no Brasil,3° Tribunal de contas de Pernambuco,é uma vergonha,me mostre um Prefeito ou um Vereador preso e veja a quantidade de noticias que vemos todos os dias nos Jornais e até mesmo nos telejornais,Isso tudo sem se falar em cidades pequenas que o Prefeito fazem da maneira que querem,pois sempre tem a maioria da câmara ao seu favor.

Polícia reage conforme à ofensa e pune no Sertão de Pernambuco

10956132_10202480166405564_715013741_n (1)As policias que trabalho no Sertão(Policiais Militares,agentes civis,delegados,agente penitenciários) estão respondendo à altura da ofensa dos meliantes.Praticas delituosas acontecem,mas a punição vem,conforme determina a Lei. Para A rebelião Presídio de Salgueiro, o a prisão do assassino de Duda Carlos e o latrocínio contra o gerente do Poto Via Oeste quando dois assaltantes foram mortos de forma inédita por um policial reformado é uma prova que é preciso dar continuidade ao governo de Eduardo Campos.

Escrito por Wilson Monteiro

Aumento salarial para policiais/JC

Coronel ganha o dobro de um professor universitário com doutorado

Raul Lira

O corporativismo fardado encurralou o governo de Pernambuco. Teve a ousadia de determinar até a data para o atendimento de suas reivindicações: quatro dias antes do Carnaval. O aumento solicitado pelos policiais é um absurdo. Pedem até 50%.

Se o governo atender, fica desmoralizado e compromete os reajustes para os demais servidores. Um coronel ganha o dobro de um professor universitário com doutorado no exterior. O certo é congelar os salários dos oficiais e aumentar moderadamente os dos praças. É só ter coragem!

http://jconline.ne10.uol.com.br/canal/voz-do-leitor/envie-sua-contribuicao/noticia/2015/01/26/aumento-salarial-para-policiais-165659.php

Avenida Agamenon Magalhães, em Salgueiro/PE

Emissael Alves de Barros

Que bela avenida por onde passamos
Subindo e descendo ladeiras
Gente que se cruza com sorrisos
Crianças que brincam felizes
E velhos contentes caminhando.

 Mas quando termina a avenida
Começa a rua de tantas outras pessoas
Muitas já não iguais àquelas
Sorrindo felizes contentes
Voltem pela avenida e não pela rua.

Emissael Alves de Barros
Poeta salgueirense.

A SEGURANÇA PÚBLICA COMO DEVER CONSTITUCIONAL DO ESTADO.

O Brasil é, inegavelmente, um País sui generis. Parece que desde a chegada das “Caravelas de Cabral” que nada por aqui é feito em prol da coletividade ou do bem comum, mas sim, em benefício do singular, do pessoal, do eu… É inegável o protagonismo da briosa Polícia Militar no combate à criminalidade. Disto ninguém duvida! Porém, outras forças de segurança pública também são igualmente importantes, como, por exemplo, as Polícias Civil (Judiciária) e a Penitenciária. Problemas seculares de baixa remuneração, efetivo reduzido, carga horária escravagista, ausência de uma política de valorização e promoção (baseada no critério justo e universal da meritocracia, e não do favorecimento individual espúrio e desqualificado) são problemas que atingem o conjunto dessas instituições, e não somente a Polícia Militar. Para que o Sistema de Segurança Pública Estadual funcione a contento, de forma a atender os reclamos e as necessidades exigidas pela sociedade, é fundamental prestigiar todo o aparato policial, valorizando o seu conjunto, e não uma parte dele (por mais expressiva que seja). Até porque, de que adiantaria termos uma polícia ostensiva de “primeiro mundo”, e possuirmos, concomitantemente, uma polícia Judiciária ineficiente, um Poder Judiciário moroso e obsoleto e um arcabouço jurídico desatualizado e caduco? Incumbe a sociedade civil organizada exigir ações governamentais urgentes, efetivas e duradouras. Afinal, a segurança pública é dever do Estado, consoante preconizado na mais alta lei do País: a Constituição Federal.

Gilson de Araújo Alves

HENRIQUE ESTÁ PRESO

006

Por volta das 20h desta segunda-feira (26/01) a equipe MALHAS DA LEI, formada por Policiais Militares do 8ºBPM e Policiais Civis da 23ªDESEC, deram voz de prisão a FERNANDO HENRIQUE MARTINS VASCONCELOS, 20 anos, acusado de haver assassinado com golpes de faca às 22h do domingo (25/01), o empresário salgueirense CLEBIO SAMPAIO FERRAZ (Duda da Moto Carlos), 43 anos. De acordo com o efetivo que realizou a ação, o acusado foi preso quando almejava se entregar da 193ª DEPOL de Salgueiro, sendo interceptado nas proximidades daquela DEPOL e apresentado ao Bel. Del. na 193ª Delegacia de Polícia Civil.

Leia mais…

http://www.sertaocentral.com/index.php/546-policia-prende-henrique-assassino-de-duda-da-moto-carlos

Reunião de vereadores de Salgueiro na sede provisória da Associação de Moradores e Agricultores da Comunidade Rural Várzea Redonda Luiz Alvilino,

10409137_669125279899918_1391695593859580802_nNa manhã deste domingo (25) os moradores da Várzea Redonda (área rural de Salgueiro) se reuniram na sede provisória da Associação de Moradores e Agricultores da Comunidade Rural Várzea Redonda Luiz Alvilino, com os vereadores Pedro de Compadre, Paulo Afonso, André Cacau, Fátima Carvalho, Hercílio Alencar, Almir Agente, Márcio Némedio, Raimunda Barros e Augusto Matias, além de representantes da Compesa e da secretária de Desenvolvimento Rural, Aparecida Souza e do deputado estadual Augusto César (PTB), para reivindicar o abastecimento hídrico, negligenciado pela Compesa.
1619533_669125129899933_126528487134040399_nA comunidade apresentou suas reivindicações e pode ouvir do Coordenador de Produção da Compesa, Rivaldo Valente, que está substituindo, Januario Carvalho que está de férias, que não depende exclusivamente da Compesa-Salgueiro a decisão de colocar água na comunidade, “Existem órgãos que nos fiscalizam. Um rapaz disse aqui, que pega água no açude, ele tem o livre arbítrio para fazer isso, nós como empresa não podemos. Queremos muito poder fornecer água, isso é crescimento e a empresa precisa crescer, mais temos que crescer com responsabilidade, eu tenho que ligar e conseguir abastecer com o mínimo de transtorno. A Compesa, não tem descriminação, não é só chegar e ligar a água temos que responder a Arpe (Agência de Regulação de Pernambuco) e o Ministério Público, temos que ter responsabilidade. A primeira questão, que foi levantada através do vereador Paulo Afonso, foi à questão da fiscalização na adutora, e desde dezembro do ano passado, está sendo feito uma fiscalização de rotina uma vez por semana, junto com a Policia Militar do Estado de Pernambuco e a Policia Civil tanto de Salgueiro como de Cabrobó; acompanhado pelo Ministério Publico é enviado relatórios e com isso estamos conseguindo trazer a Vazão de chegada em Salgueiro de 145 para 160 litros. E essa vazão não tira a cidade do rodízio de 72 por 72h e isso com a recuperação da vazão da adutora. A adutora foi feita para atender a zona urbana e vocês tem que ter consciência que tem que ter limites e qualquer ligação que for feita na zona rural, vai reduzir a vazão de chegada à cidade, por isso que não estão sendo feitas nenhuma ligação na zona rural”, disse Rivaldo Valente.
O deputado estadual, Augusto César, que desde setembro do ano passado se dispôs a ajudar a comunidade da Várzea Redonda, comunicou aos moradores que esteve reunido com o presidente da Compesa, Roberto Tavares levando as reivindicações dos moradores. “Pelo que observei aqui, a população, não quer sangrar a adutora para não prejudicar ninguém; e sim ser abastecida com muita dignidade, pagando seus impostos e pagando o consumo dele. Semana passada, estive reunido com Roberto Tavares e percebi que houve a preocupação dele, no sentido de solucionar o problema; mais precisava de alguns dados técnicos que já estão sendo enviados pela Compesa daqui para a avaliação do presidente Roberto Tavares. Na próxima terça, terei outro encontro com ele e esse encontro será para fazer a avaliação técnica do que vai passar para nós e tenho certeza, que ele vai fazer um esforço concentrado para atender a população da Várzea Redonda. Esse é um momento muito importante, o desenvolvimento de uma população que quer água, mais quer pagar, ao contrario de outras comunidades que invadem primeiro para depois legalizar. Portanto eu acho que é uma coisa muito justa. Eu acredito que a demonstração da importância que tem para essa comunidade chegar o precioso líquido nas suas casas. Saiu daqui satisfeito com o resultado da reunião as preocupações da população é justa temos que entender, mais ninguém pode autorizar fazer nada que seja ilegal, para não perder o controle da solução do problema”, observou o deputado.
Na sua fala o funcionário público e morador da localidade, Edmilson Conserva, destacou que não só ele mais varias pessoas procuraram a Compesa, por mais de uma vez e a legação era sempre que a água não seria tratada e que a água do rio São Francisco está acabando. “Eu entendo que essa água não está vindo pelos canos, mais está vindo pelos carros pipas e de uma forma ou de outra está água está vindo do São Francisco. Eu saio da cidade e estou morando aqui, a água que eu consumia em Salgueiro não vai fazer diferença porque vou consumir aqui. E como é que essa água não pode vir para nossas casas, porque não é tratada, mais nas casas de vereadores e de empresários que tem casas por aqui tem água encanada, queria muito que a Compesa respondesse, mais como sempre, não conseguimos falar com Januário”, disse o morador.
O presidente da Câmara de Vereadores, Pedro de Compadre, destacou que como morador da zona rural entende muito bem o sofrimento dos moradores da Várzea Redonda com a seca e a falta de água. “Sabemos que a falta de água não é só um problema de Salgueiro e nem do Brasil. Aqui no nordeste somos acostumados com a seca, mais essa está superando todas as expectativas, são quatro anos de seca. Saímos dessa reunião maior do que quando chegamos, estamos mais encorajados com a força de Deus e do povo e com mais coragem para resolver esse problema e se não for resolvido estamos juntos com eles para resolver em qualquer esfera. A minha opinião é dividir o pão, se for para ter água aqui e tenha que ser dividida, acredito que o povo de Salgueiro não vai reclamar em dividir a água com as famílias da Várzea Redonda. Quem tá com sede, não pode mais esperar, água é vida”, frisou Pedro de Compadre.
. A minha opinião é dividir o pão se for para ter água aqui e tenha que ser dividida acredito que o povo de salgueiro não vai reclamar em dividir água com as famílias da várzea redonda. Quem tá com sede não pode mais esperar água é vida
“Com essa reunião, saímos com a expectativa maior e graças a Deus o deputado Augusto Cesar, está dando uma força e não vamos desistir, e se não resolver, vamos procurar outras alternativas”, disse Paulo Henrique Lins Mariano, Presidente da Associação.
O vereador André Cacau, agradeceu o apoio do deputado Augusto Cesar e destacou que estava saindo satisfeito da reunião. “Acredito que os moradores ficaram satisfeitos com as informações que o deputado Augusto Cesar trouxe. Saiu hoje satisfeito na certeza de que essa luta que iniciamos há bastante tempo, uma luta que já vem de outras pessoas e que agora vestimos a camisa da luta do abastecimento de água dessa comunidade com a interferência dos deputados federal Fernando Filho e estadual Augusto César, que quando convocamos veio, participou de uma reunião e assumiu o compromisso com essa comunidade, resolveu o que foi solicitado pela comunidade e três meses após as eleições, está aqui mostrando serviço e trabalhando para tentar solucionar esse problema da comunidade e que muito em breve teremos uma solução”, disse.
Na sua fala, o vereador Paulo Afonso destacou que se estivesse faltando 90 dias para o pleito eleitoral municipal a água da comunidade seria ligada. “Votei no governador Paulo Câmara e existiu um pacto de fortalecimento por Salgueiro e pelo sertão de Pernambuco e neste pacto de fortalecimento está incluído a duplicação do sistema adutor, a setorização e antecipar essas ligações, não podemos esperar pela transposição. Temos é que unir forças políticas para agilizar o processo que está enlinhado com boletim de medição superfaturado, um antro de desvio de dinheiro público idêntico ao da Petrobras, mas não importa isso, o que importa é que seja aliviado a dor do povo”, disse.

fotos:Jornalista Juliana De Souza Sobral…

Mais fotos

10922733_669125323233247_8333641102491029369_n10409050_669125179899928_5598508022710677157_n10940987_669125009899945_5391184356137879986_n10409607_669125166566596_1829765251540741391_n10897005_669125059899940_7298664100004632183_n (1)